Google+ Followers

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Recife do Cais Aquático

Recife é uma cidade suja.
Recife é uma cidade linda.
Sobretudo amo esta cidade.
Sobre o chão de mangues e areia
dessa ex-província
- agora mais larga e mais poluída,
passeiam doutores, camelôs e fazendeiros
que vêem do interior de onde a cidade
escoa, entre o Atlântico e o Capibaribe,
antigo leito para as canoas.

Às dezoito horas,
quando os sinos estalejam nas igrejas
lado à lado caminham operários e comerciários
rumo às vilas e mocambos
onde a vida se multiplica como uma menina perdida.

Ah Recife!
Os homens nem sempre te cortejam
são mais violentos que românticos
mas os namorados dizem que o traje
que melhor te assenta é o da noite
e de manhã se encantam ante a nudez
adornada de frutas de tuas ruas como serpentes.

Recife,
estou noiva de ti,
nem sabes, jamais consentes.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

A Casa Estrelada

Por mais que eu queira
não posso alcançar
as estrelas,

Fazer enorme
o teto da minha casa
e erguer em altar
minha alma estrelada.

in " A Casa Estrelada", Edição da FUNDARPE.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

À Margem

Nenhuma palavra foi dita
para livrar-me o corpo
de dúvidas

E novas marcas
exponho à caçada pública.

em "A Casa Estrelada", edição do Governo do Estado de Pernambuco, FUNDARPE, Recife, 1997.

A Menina

A menina que ri
me anima a cerzir
as tessituras da vida.

Seu sorriso
mais que o sol
vai unindo
o beiral dos abismos.

Arcanjo

Um arcanjo vive em frente a minha casa
para que dela não se aproximem
ovelhas e cabras
e não venham morder
os vastíssimos pastos
da minha alma.